Bem vindo!

Bem vindo!

Quem passa sempre por aqui???

Botando a cabeça para funcionar... (9)


"A combinação esplêndida entre céu, sol natureza e...EI! O que aquele prédio está fazendo lá?"


Hoje em dia tem tantos prédios que não é fácil tirar uma foto sem eles, infelizmente.

Para deixar a cabeça em movimento, estou fazendo um projeto em que minha vó Chica me manda uma imagem e tenho que escrever uma frase, poesia etc sobre ela.


18 comentários:

  1. Neno, viste tudo da foto! Exatamente...Andamos tão cansados de ver esses prédios estragando o belo. pena, mas nada há a fazer... Em nome do progresso, a natureza se "rala"... Adorei! bjs, vovó chica

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Bom dia Neno!
    Bela reflexão!
    Infelizmente, poucos lugares restam onde só podemos admirar a Natureza!
    Lindo dia!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  3. Continue assim,sempre fazendo girar a blogosfera com sua avó.
    Linda mensagem,os prédios infelizmente tem ofuscado nossa visão bem mais que dias cinzas,nos impedindo de ver a beleza da natureza.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  4. Continue assim,sempre fazendo girar a blogosfera com sua avó.
    Linda mensagem,os prédios infelizmente tem ofuscado nossa visão bem mais que dias cinzas,nos impedindo de ver a beleza da natureza.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  5. cONTINUE SE EMPENHANDO nENO E HOJE EM DIA O CONCRETO INVADE A NATUREZA, NÃO É? venha ver o poesia do bem, bjs

    ResponderExcluir
  6. Neno, continue com sua cabeça em movimento, que ela tem ideias ótimas!!!! Abraço

    ResponderExcluir
  7. Neno, continue com sua cabeça em movimento, que ela tem ideias ótimas!!!! Abraço

    ResponderExcluir
  8. Oi Neno
    Essa massa de concreto não tem poder de esconder a beleza criada por Deus
    Bela leitura da imagem.
    Beijos e um lindo dia para você

    ResponderExcluir
  9. Neno, você observou muito bem... aqui em minha cidade tem tantos prédios que qualquer dia não veremos mais o sol nascendo e esquentando nossos corações..

    Beijos grandões!

    ResponderExcluir
  10. Neno, você observou muito bem... aqui em minha cidade tem tantos prédios que qualquer dia não veremos mais o sol nascendo e esquentando nossos corações..

    Beijos grandões!

    ResponderExcluir
  11. Olá Neno, amiguinho adorei a sua frase e interpretação da foto!
    Também sou sensível ao cimento que nos rodeia!
    Apesar dos prédios da minha rua não serem muito altos (quatro pisos) mas é o suficiente para eu não poder captar o nascer e o por do sol! Lindas fotos faria!
    Pena que o Homem cada vez mais desvalorize a natureza!
    Um beijinho,
    Ailime

    ResponderExcluir
  12. É uma pena que prédios cada vez mais tomam conta,e nos impedem ás vezes de apreciar um belo nascer do sol.Bjs

    ResponderExcluir
  13. Olá, querida Neno
    A sua campanha volta, vovó, deu certo... Viva!!!
    Sua frase é bem de acordo com o tempo atual, os edifícios nascem de um dia pro outro...
    Seja feliz e abençoado!!!
    Bjm fraternal

    ResponderExcluir
  14. Olá, querida Neno
    A sua campanha volta, vovó, deu certo... Viva!!!
    Sua frase é bem de acordo com o tempo atual, os edifícios nascem de um dia pro outro...
    Seja feliz e abençoado!!!
    Bjm fraternal

    ResponderExcluir
  15. E funcionou viu. Ficou mais que 10. Amei. Abçs Neno.

    ResponderExcluir
  16. Uma pena, Neno! Mas, ainda podemos ver a natureza, nem que seja por uma frestinha.
    Excelente reflexão!
    Bjs e um lindo final de semana!

    ResponderExcluir
  17. Neno querido,
    Que bela interpretação da imagem fizestes.
    Também não gosto nada desta "Selva de Pedras".

    Obrigada por teres feito a sua vovó voltar a blogar.
    Vocês fazem falta por aqui.
    Um beijinho carinhoso e tudo de melhor para tí de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  18. Neno querido,
    Obrigada por participar da frase lá nos "Bichinhos"
    Ficou show!
    Tenha uma linda tarde.
    Beijinhos para tí e para a sua vovó de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir

◆ Que bom que você veio! ◆